A Aliança Esquecida

29/01/2017

Resenha por Ellen Savvy

Você acredita que o amor verdadeiro pode estar na porta ao lado?

Sinopse:

Depois de ter sido traída, Amanda passou a se dedicar ainda mais a sua profissão de fotógrafa. O fim traumático de sua relação com Júlio a fazia querer ficar mais tempo sozinha. Apenas sua irmã Tereza e seu amigo Paulo tinham acesso à sua vida. O acaso, porém, a faz conhecer de uma forma absolutamente inesperada, o rico empresário Addonis Martan, numa pousada do litoral paranaense.

Vítima de repórteres sempre tentando fotografá-lo sem permissão, Addonis equivocadamente pensa que Amanda é uma fotógrafa oportunista. Apesar de maltratada por Addonis, Amanda sente-se irresistivelmente atraída por ele.

A partir deste encontro, um conflito interior passa a ser vivenciado por Amanda, porque, apesar de saber que Addonis era comprometido, desejava cada vez mais estar entre seus braços ardentes.

Conseguirá Amanda lidar com esse conflito e se deixar levar pelos seus sentimentos de atração, ou resistirá para não ir contra seus princípios morais? Encontre essa resposta nas páginas desta emocionante história de amor e paixão.

A Aliança Esquecida é acima de tudo uma história de amor que nos mostra que o destino pode nos pregar muitas peças.

Addonis e Amanda são pessoas muito diferentes, de mundos quase opostos e mesmo assim seus caminhos se cruzam quando ambos se hospedam em uma pequena pousada de uma pequena cidade turística do sul do Brasil.

Eles se encontram de uma forma nada convencional e algo sobre a intimidade que Amanda viveu com Addonis (sem nem ele mesmo saber) faz com que ela se sinta inexplicavelmente atraída por ele, que por outro lado, mesmo não tendo vivido a mesma experiência sente-se igualmente enfeitiçado por aquela estranha.

"... a imaginação pode causar mais sofrimento que a própria realidade..."

Ao longo da história, Addonnis faz tantas coisas erradas para se aproximar de Amanda que no final ele tem muita sorte quando ela aceita se encontrar com ele e a partir daí, tudo pode dar muito certo ou muito errado.

"... enxergar nem sempre nos permite ver..."

A autora teve o cuidado de apresentar cada novo capítulo com uma frase introdutória, quase como mini provérbios e alguns deles foram citados aqui na resenha.

"... no que seus olhos se encontraram, as memórias sensoriais daquele beijo violento voltaram e a fizeram estremecer..."

No início pensei que Addonis fosse um cara ruim, a pessoa mais egoísta do mundo e talvez justamente por ele ser assim que fiquei curiosa por seguir em frente e entender o que exatamente fazia com que este casal sentisse uma química tão forte e porque um homem como ele se comportava de forma tão peculiar neste jogo de amor e sedução.

A história é bem escrita, mostra o quão estruturada é a autora e não há como negar que a forma como o casal se conhece é bastante inusitada. O perfil psicológico dos personagens é sólido e no fim, não tem como não ficar curioso sobre a história.

O livro é um romance, tem o seu tom erótico, mas não chega a ser exatamente erótico como a maioria dos lançamentos atuais pois a autora foca também em desenvolver a aproximação do casal e contextualizar a trama.

Este é o primeiro trabalho da autora, disponível nas versões Português e Inglês.

A Aliança Esquecida

Pág. 127

Quem se interessou pelo livro, basta apenas clicar na imagem a seguir e comprar seu exemplar.